Bolsonaro assina decreto e torna sal do RN de interesse social

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) assinou nesta terça-feira (04) o decreto que declara de interesse social a atividade de produção do sal marinho dos municípios de Mossoró, Macau, Areia Branca, Grossos, Pendências, Areia Branca Guamaré e Galinhos no Rio Grande do Norte.

A cerimônia conta com a participação da bancada federal potiguar, de vários políticos do estado e empresários do sal. Essa era uma demanda antiga da indústria salineira e da classe política.

Agora, o setor ganha maior proteção jurídica, com possibilidade de fomento gradual de emprego, renda e tributos.

“Agradecemos ao Presidente da República, Jair Bolsonaro, que rapidamente assinou o decreto que salva a atividade salineira do RN atendendo apelo de toda bancada. O sal Potiguar foi reconhecido como bem de interesse social! Estado produz 95% do sal no Brasil, é fonte de exportação e emprega 70 mil pessoas”, destacou o deputado federal Fábio Faria (PSD/RN).

Durante a solenidade, o presidente anunciou, também, a construção de um Colégio Militar em Natal.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Fechar Menu